sexta-feira, abril 16, 2010

EU TENHO MEDO DE ÔNIBUS!

Ring ring
O convite para ir numa churrascaria com Paula e Day chegou as 18h30.
- "Uai... vô né?! Fazer o quê."

É aí que a história começa... Porque a novidade aqui é que eu fui de ônibus!!
Pra voce ver... O que não fazemos pros amigos ne?
Tenho moto e poderia muito bem não me preocupar com o transito ou com a demora do onibus, mas naaaaaooooo... como um bom gentleman, fui de ônibus para acompanhar as ladies.
CRAP ¬¬

A ida, até que não foi tensa, exceto a demora do dito cujo. Mas hoje quero compartilhar a nossa volta pra casa. [essa sim foi tensa]

T139 - Assim que entramos no ônibus [lotado] ouvimos uma música subliminar de fundo.
-"ué.. estanho.. o onibus é tão velho!! Já colocaram musica neles? Caraka, a quanto tempo eu não ando de ônibus?"

Mas não demorou muito pra perceber que o som não vinha de cima... vinha de baixo. Mais precisamente, de um celular nos peitos de uma senhora sentada na minha frente.
oO
- "Meu pai, que isso?!"
Paula até pensou que fosse uma ligação.
"Moçaaaa, seu celular tá tocandooo."
Oo

Pra nossa surpresa, não era uma ligação!! A mulher estava ouvindo musica!!! E não era baixo nao... era muuito alto!!!!
"helooo... a senhora já ouviu falar em fone de ouvido? 3,50 no camelódromo!!!"
¬¬

Pra piorar, você sabe que o seu dia não pode piorar muito quando muleque com um tremendo cecê, fica do seu lado e coloca a subaqueira na janela. E o vento ganha o autêntico perfume de gambá. arrgh..

Voltando a mulher do celular, no começo foi muito estranho, mas quer saber?? a medida que fomos acostumando, todo final de música era uma nova expectativa. Estávamos no final das contas anciosos em saber qual seria a próxima música. hahah
[se não pode com eles, junte-se a eles]

Mais o auge do negócio foi quando começou um rap que nunca ouvi na minha vida num som que parecia vir de uma caixa de abelha:
"de que vale o crime irmaaaooo, se ele vem te mataaarr!"

E o mais engraçado era que o onibus inteeeiro conhecia o rap! hahaha Tinha até uma gordinha cantando alto junto com o celular atraz de nós. E uns 4 lá no fundo mechendo a boca seguindo a letra da musica e balançando a cabeça.
- "Meu pai, que isso² ??"
Não demorou muito pra sacarmos que o bando estavam todos juntos!

Foi engraçado e um tanto quanto demorado. Meu destino nunca demorou tanto pra chegar!!
Final das contas a Paula [tinha que ser] ficou anciosa quando desceu do ônibus porque queria saber qual seria a póxima musica.

E posso dizer que depois de hoje, aprendi uma coisa sobre onibus:
Há 2 momentos gloriosos: primeiro quando ele finalmente chega depois de uma longa espera no ponto, segundo quando finalmente chega ao destino. O resto é luta.

.

4 comentários:

hendrikhermann disse...

Thats funny U Mo.... Fu....Welcome to Brazil ;) didn´t U sing with them?

Anônimo disse...

Genteeeeeeeee do ceu !
Vc descreveu direitinhooo o que houve!! kkkkk so vc mesmoo...

E vamos lah :
" De que vale o Crime irmaooo, se ele vai te matar !!] """ kkk


Te amo

Teacher Pedro disse...

Li esse umas 5 vezes... Mas hj não aguento e vou comentar,,,
Hehehe

tu é doido!

Mike and Shanna disse...

Quao saudades tenho do onibus!

Pesquisar este blog